Pensando em Deus

Reconhecendo, se protegendo e desmascarando as seitas.

Entrevista com o Apóstolo Paulo a um Judaizante, Sabatista e Legalista

Posted by Sara Kelly em 19/10/2009

  • Caros irmãos, imaginemos um Sabatista/Legalista/Judaizante entrevistando o Apóstolo Paulo a respeito dos ensinos que procuram justificar o homem pelas obras, baseando as respostas no que o Apóstolo Paulo escreveu inspirado pelo Espírito Santo na Epístola aos Gálatas…

EntrevistadorEntrevistador Sabatista/Judaizante/Legalista (empolgado): Amado Apóstolo Paulo, qual a sua opinião sobre as maravilhosas revelações dos profetas e visionários que surgiram no século XIX (Ellen White, Iran Edson, Guilherme Miller, etc)?

Apóstolo Paulo: Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho. (Gal 1:6)

Entrevistador S/J/L: Mas o senhor não acredita que todos eles oferecem uma “luz menor” que guia à “luz maior” que é a Bíblia?

Apóstolo Paulo: Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema. (Gal 1:8)

Entrevistador S/J/L (com um sorriso amarelo): Mas o senhor não acredita que eles apenas estão ensinando detalhes que não são revelados na própria Bíblia?

Apóstolo Paulo: Assim como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema. (Gal 1:9)

Entrevistador S/J/L: err… Mas o senhor não acredita que milhões de pessoas estão sendo “abençoadas” com os ensinamentos destes nossos profetas, além de todas as obras sociais e de ensino e ajuda humanitária? Não seria pecado questionar tudo isso?

Apóstolo Paulo: Porque, persuado eu agora a homens ou a Deus? Ou procuro agradar a homens? Se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de Cristo. (Gal 1:10)

Entrevistador S/J/L: Mas apóstolo, o senhor vai me desculpar, nós temos a revelação que o homem precisa, para servir a Deus, guardar o Sábado, abster-se de alimentos impuros, conforme a Lei.

Apóstolo Paulo: Todos aqueles, pois, que são da obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito: Maldito aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las. (Gál 3:10)

[Obs: Os Sabatistas/Legalistas/Judaizantes se abstêm de guardar todo o conteúdo da lei, guardando apenas partes da lei. Alguns poucos exemplos são (não acender fogo no sábado, não guardar a páscoa e outros rituais e principalmente não aplicar as medidas punitivas que são descritas na lei concernente ao adultério, quebra do sábado e outros, que envolviam até morte por apedrejamento). Ora, se é pra guardar a lei, ou se guarda TODA ela ou não, incluindo as conseqüências descritas na mesma para quem é desobediente.]


Entrevistador S/J/L: Mas apóstolo, Deus não julgará todos aqueles que são obedientes e que, portanto serão aprovados por Jesus para que mereçam a salvação sendo justificados por obedecer aos preceitos da lei?

Apóstolo Paulo: …é evidente que pela lei ninguém será justificado diante de Deus… (Gal 3:11)

Entrevistador S/J/L: Mas como? Por quê?

Apóstolo Paulo: …porque o justo viverá da fé. (Gal 3:11)

Entrevistador S/J/L: Mas apóstolo, o senhor está afirmando que Jesus não quer que guardemos os preceitos da Lei?

Apóstolo Paulo: Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro. (Gal 3:13)

Entrevistador S/J/L: Mas apóstolo, dessa forma o senhor não está destruindo um fundamento de salvação, isto é, a justificação pela lei, para todos aqueles que crêem no sacrifício de Cristo e na graça desta redenção?

Apóstolo Paulo: Não aniquilo a graça de Deus, porque se a justiça provém da lei, segue-se que Cristo morreu debalde. (Gal 2:21)

Entrevistador S/J/L: Mas… mas… Pra que então foi mostrada a Lei?

Apóstolo Paulo: …para que é a lei? Foi ordenada por causa das transgressões, até que viesse a posteridade a quem a promessa tinha sido feita… (Gal 3:19)

Entrevistador S/J/L: Mas se é assim a lei, não vai de encontro ao que Deus falou e prometeu?

Apóstolo Paulo: Logo, a lei é contra as promessas de Deus? De nenhuma sorte; porque, se fosse dada uma lei que pudesse vivificar a justiça na verdade, teria sido pela lei. (Gal 3:21)

Entrevistador S/J/L: Mas o que fez a escritura ao mostrar a lei, então?

Apóstolo Paulo: … A Escritura encerrou tudo debaixo do pecado, para que a promessa pela fé em Jesus Cristo fosse dada aos crentes. (Gal 3:22)

Entrevistador S/J/L: Mas apóstolo, então, pra que serve a lei?

Apóstolo Paulo: … A lei nos serviu de aio, para nos conduzir a Cristo, para que pela fé fossemos justificados. (Gal 3:24)

Entrevistador S/J/L: Apóstolo, mas o que o senhor diria aos que guardam a lei? Não estão sendo sinceros para com Deus servindo-o melhor?

Apóstolo Paulo: Separados estais de Cristo, vós os que vos justificais pela lei. Da Graça tendes caído. (Gal 5:4)

Entrevistador S/J/L: Mas estas pessoas não estão sendo o remanescente fiel e verdadeiro?

Apóstolo Paulo: Ó insensatos… Quem vos fascinou para não obedecerdes à verdade… (Gal 3:1)

Entrevistador S/J/L: Como então cumpriremos a lei?

Apóstolo Paulo: …toda a lei se cumpre numa só palavra, nesta: Amarás ao teu próximo com a ti mesmo. (Gal 5:14)

Entrevistador S/J/L: O senhor está sendo muito duro.

Apóstolo Paulo: Fiz-me acaso vosso inimigo, dizendo a verdade? (Gal 4:16)

“Porque pela graça sois salvos, por meio da fé, e isto não vem de vós, é Dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie.” Efésios 2:8 e 9.

Autor: Miguel Ângelo L. Maciel é ex-Adventista, hoje um salvo pela Graça de Deus pelo Sacrifício do sangue derramado do Senhor Jesus Cristo na cruz do calvário.
Fonte: Desafio das Seitas nº32 -2004. Publicado com a autorização do Centro de Pesquisas Religiosas – CPR.

Anúncios

22 Respostas to “Entrevista com o Apóstolo Paulo a um Judaizante, Sabatista e Legalista”

  1. você mais uma vez trazendo posts esclarecedores!
    vou postar no meu blog, com os devidos créditos, claro
    na fé!

  2. Ezequiel said

    ficou muito bom! gostei da forma como foi escrito! é uma entrevista (*figurada) do apóstolo Paulo, e ficou muito bom e esclarecedor.

  3. Domme Keka said

    Que bom que gostou kuryusthelord!
    Mas a opinião do Ezequiel foi fundamental pra que esta postagem viesse a ser postada!
    Valeu pelos comentários pessoal! 😉

  4. Josibel da Costa said

    Primeiramente, algumas coisas faltaram nesta entrevista.
    Qual foi a palavra empregada no grego por Paulo para REPOUSO, em Hebreus 4:9? Seria Paulo um transgressor dos 10 mandamentos? Anulamos a Lei pela fé? Não antes confirmamos a Lei. Romanos 3:31. Romanos 7:12.
    Quem foi que disse que nós Adventistas somos justificados pela Lei? Agora tira a Lei… E, veja o que acontece. Agora todo mundo pode matar, Roubar, etc? Quem escreveu os 10 mandamentos? Uma outra coisa interessante é que no grego a palavra OUTRO, ´heterós, que significa outro evangelho diferente. Gálatas1:8. E, em nenhum momentos os escritos de White é um outro evangelho diferente. O que Tem de errado no livro o DESEJADO DE TODAS ÀS NAÇÕES? O que tem de errado no livro caminho a Cristo? E, outros, mais??? Eu queria somente estudar alguns dias com essa pessoa que escreveu essa postagem. Ou quem queira conhecer exegeticamente o que diz as escrituras… Aguardo assentado…porque em pé cansa…

  5. charles said

    sou ex_adventista do setimo dia!!!Mais creio que a sabado é o dia do senhor!!!

  6. Sara Kelly said

    Legal, cada um acredita no que quizer.

    • Raul said

      Exatamente, cada um acredita no que quiser, é uma lástima ver cristãos acreditando no que quiser oa invés de acreditar na Bíblia, porque o sábado é bíblico, já outro dia não! E não existem provas a favor do domingo, quem tenta mostrar que tem, não conhece a Bíblia, ou nunca leu ela toda ou quer se enganar!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  7. Autor: Dalton Gerth

    O grande problema com que se deparam os ASD, quando pretendem guardar a lei de Deus, é que a lei não implica só em guardar os dez mandamentos. A lei é um todo e abrange os cinco livros de Moisés ou o Pentateuco com 613 mandamentos, como lemos em Gl 3.10, “Todos aqueles, pois que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque escrito está: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las”.O texto em apreço não afirma que é maldito quem não guardar os dez mandamentos, mas que é maldito quem não guardar tudo o que está escrito no livro da lei. Isso se tornou uma impossibilidade, e “é evidente que, pela lei, ninguém é justificado diante de Deus…” (Gl 3.11). Dada a impossibilidade de se guardar todos os 613 mandamentos, a Bíblia declara que a lei nos serviu de aio para nos conduzir a Cristo e que depois que a fé veio já não estamos mais debaixo do aio (ou da lei). Mas, antes que viesse a fé, estávamos sob a tutela da lei e nela encerrados, para essa fé que, de futuro, haveria de revelar-se. De maneira que a lei nos serviu de aio para nos conduzir a Cristo, a fim de que fôssemos justificados pela fé. Mas, tendo vindo à fé, já não permanecemos subordinados ao aio.”(Gl 3.23-25).
    Repetimos: dada essa impossibilidade de guardarem os 613 mandamentos, contidos no Pentateuco (os cinco livros da Lei), dividiram os ASD a lei de Deus em duas leis: Lei Moral e Lei Cerimonial. Ensinam que uma parte da lei foi abolida na cruz – a Lei Cerimonial. Mas, a outra parte da Lei, a Lei Moral, restrita aos dez mandamentos, essa está em vigor.

    ATIVIDADES PROIBIDAS

    Os israelitas, com a máxima rigidez, observavam, sob a ordem divina, a interrupção de todas as atividades:
    DEVIAM:
    a) trabalhar seis dias (e não 5):
    (ÊX 35:2) “Seis dias se trabalhará, mas o sétimo dia vos será santo, o sábado do repouso ao SENHOR; todo aquele que nele fizer qualquer trabalho morrerá.”

    NÃO DEVIAM

    b) acender qualquer tipo de fogo em casa:
    (ÊX 35:3) “Não acendereis fogo em nenhuma das vossas moradas no dia do sábado.”
    c) fazer qualquer tipo de trabalho:
    (ÊX 20:10) “Mas o sétimo dia é o sábado do SENHOR teu Deus; não farás nenhuma obra, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro, que está dentro das tuas portas.
    d) fazer qualquer transação comercial:
    (AM 8:5) “Dizendo: Quando passará a lua nova, para vendermos o grão, e o sábado, para abrirmos os celeiros de trigo, diminuindo o efa, e aumentando o siclo, e procedendo dolosamente com balanças enganosas,”
    e) fazer viagens e tratar de negócios:
    NE 10:31) “E que, trazendo os povos da terra no dia de sábado qualquer mercadoria, e qualquer grão para venderem, nada compraríamos deles no sábado, nem no dia santificado; e no sétimo ano deixaríamos descansar a terra, e perdoaríamos toda e qualquer cobrança.”
    (NE 13:15) “Naqueles dias vi em Judá os que pisavam lagares ao sábado e traziam feixes que carregavam sobre os jumentos; como também vinho, uvas e figos, e toda a espécie de cargas, que traziam a Jerusalém no dia de sábado; e protestei contra eles no dia em que vendiam mantimentos.”
    (NE 13:16) “Também habitavam em Jerusalém tírios que traziam peixe e toda a mercadoria, que vendiam no sábado aos filhos de Judá, e em Jerusalém.”
    f) carregar peso:
    (JR 17:21) “Assim diz o SENHOR: Guardai as vossas almas, e não tragais cargas no dia de sábado, nem as introduzais pelas portas de Jerusalém;”
    g) o transporte de qualquer objeto de casa, ou introduzi-los em Jerusalém:
    (JR 17:22) “Nem tireis cargas de vossas casas no dia de sábado, nem façais obra alguma; antes santificai o dia de sábado, como eu ordenei a vossos pais.”
    (JR 17:27) “Mas, se não me ouvirdes, para santificardes o dia de sábado, e para não trazerdes carga alguma, quando entrardes pelas portas de Jerusalém no dia de sábado, então acenderei fogo nas suas portas, o qual consumirá os palácios de Jerusalém, e não se apagará.”
    h) fazer semeadura e a colheita de frutos e cereais:
    (ÊX 34:21) “Seis dias trabalharás, mas ao sétimo dia descansarás: na aradura e na sega descansarás.”
    i)recolher lenha:
    (NM 15:32) “Estando, pois, os filhos de Israel no deserto, acharam um homem apanhando lenha no dia de sábado.”
    (NM 15:33) “E os que o acharam apanhando lenha o trouxeram a Moisés e a Arão, e a toda a congregação.”
    (NM 15:34) “E o puseram em guarda; porquanto ainda não estava declarado o que se lhe devia fazer.”
    (NM 15:35) “Disse, pois, o SENHOR a Moisés: Certamente morrerá aquele homem; toda a congregação o apedrejará fora do arraial.”
    (NM 15:36) “Então toda a congregação o tirou para fora do arraial, e o apedrejaram, e morreu, como o SENHOR ordenara a Moisés.”
    j) cozer alimentos
    (ÊX 16:23) “E ele disse-lhes: Isto é o que o SENHOR tem dito: Amanhã é repouso, o santo sábado do SENHOR; o que quiserdes cozer no forno, cozei-o, e o que quiserdes cozer em água, cozei-o em água; e tudo o que sobejar, guardai para vós até amanhã.”
    k) não podiam sair de casa:
    (ÊX 16:29) “Vede, porquanto o SENHOR vos deu o sábado, portanto ele no sexto dia vos dá pão para dois dias; cada um fique no seu lugar, ninguém saia do seu lugar no sétimo dia.”

    Nos tempos de Jesus os judeus se mantinham rígidos na execução do preceito sabático, como se depreende de algumas passagens do Novo Testamento:

    a) não podiam andar mais de um quilômetro
    (AT 1:12) “Então voltaram para Jerusalém, do monte chamado das Oliveiras, o qual está perto de Jerusalém, à distância do caminho de um sábado.”
    b) não podiam colher espigas:
    (MT 12:2) “E os fariseus, vendo isto, disseram-lhe: Eis que os teus discípulos fazem o que não é lícito fazer num sábado.”
    c) não podiam transportar camas
    (JO 5:10) “Então os judeus disseram àquele que tinha sido curado: É sábado, não te é lícito levar o leito.”
    d) não podiam curar enfermos
    ( LC 13:14) “E, tomando a palavra o príncipe da sinagoga, indignado porque Jesus curava no sábado, disse à multidão: Seis dias há em que é mister trabalhar; nestes, pois, vinde para serdes curados, e não no dia de sábado.”

    Os supostos guardadores do sábado não desconhecem que o sábado começa ao pôr do sol e termina ao pôr do sol.
    (LV 23:32) “Sábado de descanso vos será; então afligireis as vossas almas; aos nove do mês à tarde, de uma tarde a outra tarde, celebrareis o vosso sábado.”
    Quando pois, o sol se põe na tardo do sexto dia da semana, indica o começo do sábado.

    CASTIGO AO INFRATOR

    A infração do preceito impunha-se a pena capital:
    (ÊX 31:14) “Portanto guardareis o sábado, porque santo é para vós; aquele que o profanar certamente morrerá; porque qualquer que nele fizer alguma obra, aquela alma será eliminada do meio do seu povo.”
    (ÊX 35:2) “Seis dias se trabalhará, mas o sétimo dia vos será santo, o sábado do repouso ao SENHOR; todo aquele que nele fizer qualquer trabalho morrerá.”
    E nas Escrituras encontramos a execução do castigo extremo a um transgressor.

    EXEMPLO DE CASTIGO APLICADO

    (NM 15:32) “Estando, pois, os filhos de Israel no deserto, acharam um homem apanhando lenha no dia de sábado.”
    (NM 15:33) “E os que o acharam apanhando lenha o trouxeram a Moisés e a Arão, e a toda a congregação.”
    (NM 15:34) “E o puseram em guarda; porquanto ainda não estava declarado o que se lhe devia fazer.”
    (NM 15:35) “Disse, pois, o SENHOR a Moisés: Certamente morrerá aquele homem; toda a congregação o apedrejará fora do arraial.”
    (NM 15:36) “Então toda a congregação o tirou para fora do arraial, e o apedrejaram, e morreu, como o SENHOR ordenara a Moisés.”

    Não havia excusa para esse homem, pois Deus havia proibido o povo de Israel de acender fogo no sábado.
    (ÊX 35:3) “Não acendereis fogo em nenhuma das vossas moradas no dia do sábado.”
    (ÊX 31:15) “Seis dias se trabalhará, porém o sétimo dia é o sábado do descanso, santo ao SENHOR; qualquer que no dia do sábado fizer algum trabalho, certamente morrerá.”
    Esse homem devia estar colhendo lenha para preparar sua alimentação, mas a penalidade da lei era severa para o ato: MORTE. Se hoje os líderes adventistas fossem aplicar a mesma pena por violação do sábado, não sobraria um só adventista no mundo.

    VOCÊ ATUALMENTE GUARDA O SÁBADO COMO DEUS ORDENOU QUE SE FIZESSE NA LEI?

    A pena de morte por apedrejamento era decretada para qualquer um que acendesse fogo ou outra atividade proibida para o dia.

    Pergunto a você – suposto guardador do sábado:
    VOCÊ ATUALMENTE GUARDA O SÁBADO COMO DEUS ORDENOU QUE SE FIZESSE NA LEI?

    a) se você viaja no sábado de trem, automóvel, bicicleta ou outro qualquer meio de condução, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.
    b) se acende fogo ou gás em sua casa para o leite ou café matinal ou para esquentar qualquer outro alimento, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.
    c) se usa luz elétrica ou força para o chuveiro ou manda o empregado fazê-lo, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.
    d) se usa água corrente para tomar banho ou outra qualquer utilidade, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.

    Assim, todo adventista ou suposto guardador do sábado está sujeito à lei, e qualquer quebra de mandamento da lei composta – não de 10 – mas de 613 mandamentos, está vivendo sob a MALDIÇÃO DA LEI.

    (GL 3:10) “Todos aqueles, pois, que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las.”
    (GL 3:11) “E é evidente que pela lei ninguém será justificado diante de Deus, porque o justo viverá da fé.”

    Dizem os adventistas, “Que aqueles que pretendem que haja leis de Deus tão pequenas que não precisam obedecer-lhes, são indignos de Seu reino.” (Do Sábado para o Domingo, p. 93, Carlyle B. Haynes, CASA, 1996)

    EXEMPLOS DE QUEBRA DA GUARDA DO SÁBADO PELOS ADVENTISTA

    Como sabemos, Azenilto Brito traduziu o livro SONHOS E VISÕES de JEANINE SAUTRON. Ele traduziu o seguinte nas páginas 340/41 do citado livro,

    “Novembro de 1986 – A Direção da IASD no Brasil fica “em cima do muro” quanto a ir votar no dia de sábado, se era ou não do 4o. mandamento da Lei de Deus. O Pr. Neal Wilson na ocasião estava visitando o Brasil, e quando perguntado, reservadamente, sobre o assunto disse não ver nenhum problema em cumprir esse dever cívico no sábado. …”

    “Em 03 de outubro de 1992, ocorreu a mesma coisa, a liderança da Igreja no Brasil trocou o princípio pela consciência. Ou seja, quem quisesse votar poderia. Transgredir o sábado não é mais problema de princípio ou doutrina é problema de consciência de cada um.”.

    Exemplos colhidos em sites de adventistas:

    …A Igreja Adventista transforma o sábado em um dia de rotina e cansaço para o membro, com múltiplas atividades, nem sempre tão espirituais (JA?) quanto se gostaria.
    …A Igreja Adventista prefere promover reuniões especiais em um outro dia, denominando-o “Mega-Domingo” e promovendo a errônea compreensão de que o primeiro dia da semana deve ser reservado para culto especial a Deus.
    …A Igreja Adventista, uma vez por ano, transforma o Dia do Senhor em “Dia do Pastor”, no qual os membros devem render homenagens e obsequiar presentes ao seu tão dedicado líder espiritual.
    …A Igreja Adventista faz desse dia período para propaganda e comércio de produtos (Livros, Revistas, CDs, etc) e serviços como acampamentos, camporis, arroz carreteiro, churrasco. Há casos em que se cobra até ingresso (no sábado!) para que o membro possa participar de um congresso, por exemplo.
    “O pior de tudo, irmão, é que tanto aprendi como andei até ensinando por aí que: “O que desvia os seus ouvidos de ouvir a lei, até a sua oração será abominável.” Provérbios 28:9. E tem um outro versículo que costumava citar sempre, que diz: “Aquele que diz: Eu o conheço, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não está a verdade.” I João 2:4.
    Haveria muito mais para escrever, mas cremos ter sido o suficiente para introduzir a mais recente transgressão adventista, que constitui desatenção clara e simultânea a pelo menos dois mandamentos da Lei de Deus, o primeiro e o segundo. — Robson Ramos.”

    ESCÂNDALO!

    “Faltou falar que alguns pastores, usando o púlpito sagrado, ensinam nas igrejas que o sexo no dia de sábado é uma bênção!”

    “Outros entram no templo sagrado abarrotados de cds/cassets/livros/apostilas, etc, etc e dizem na maior cara de pau que após o pôr do sol, o material estará à disposição dos irmãos. Se isso ocorresse nos dias de CRISTO, seriam expulsos do templo por AQUELE que tem verdadeira autoridade. Os programas são milimetricamente cronometrados para terminarem logo após o pôr do sol, para então se fazer aquela lambança na igreja.”

    “Tem mais, porém vou esperar você avaliar os demais mandamentos. O de não roubar, não adulterar, não mentir e não cobiçar… Esses mandamentos não precisa nem de avaliação, pois a iasd já se especializou em transgredi-los sem a menor dor de coração. — Mário.”

    Recebi um e-mail de certa pessoa chamada Luís Martini que explicou como a Sra. White recomendou a guarda do sábado: Ele afirma, “ Vê-se que de EGW você não leu um terço, não é? Ela nunca disse como guardar o sábado, o que ela fez foi dar algumas instruções, maioria das quais não estão mais vigentes, como por exemplo: “Não se deve tomar banho no sábado, pois havia todo um preparo para isso, mais ou menos, quatro horas de preparo.” e “Não acender fogo aos sábado, porque também dispendia tempo.” Vemos hoje que para se tomar banho basta ligar o chuveiro e acender fogo, riscar o fósforo”.

  8. Naara said

    Pessoal, usar a Bíblia do geito fantasioso desses tirando da própria palavra de Deus versículos isolados para provarem o que quiserem não é certo! Porque o diabo também usou a Bíblia pra tentar a Jesus, ele também distorceu e colocou fora do contexto o que estava escrito, estão fazendo o mesmo.

    Mas dizer que a lei de Deus é um rudimento fraco e pobre é heresia!!!!!!!!!!!!! POis Paulo deixa claro desde Gal 3 que estava falando em cerimônias que os Gálatas estavam ainda fazendo (veja gal 3:10), na lei de Deus não existem cerimônias para fazer, outra coisa a lei moral de Deus não exige guarda de dias, meses ou anos, mas de um dia apenas, o sábado, mas a lei cerimonial sim, guardavam dias de lua nova, meses e anos (festas anuais), e mesmo não sendo salvo pelas obras, o que nada tem a ver com a guarda do sábado, temos que fazer a vontade de Deus e praticar boas obras sim, como a Bíblia diz em Efe 2:10, Tito 3:8, II Tim 2:14-15; Mat 18:17-18, Tiago 2:23-24 e 26.

    Você terminou citando Ef 2:8-9 que diz que somos salvos só pekla graça, só basta ter fá pra vc? Então estarás perdido porque a fé sem obras é morta e fé até o diabo tem, mas não basta ter só fé, muito cuidado!!!

    Leia o verso 10 do capítulo q vc citou e leia tb Tiago 2:24 e 26!

  9. Gaither said

    Vcs desconhecem tanto a história que colocaram Guilherme Miller no meio? ele nunca guardou o sábado, nunca foi adventista do sétimo dia! Ele era batista!!!! Essa vc erraram feito!
    Mas quanto a outros aspectos vcs primeiro disseram que a lei de Deus é maldita e citaram Gal 3, depois disseram que a ;lei serviu para conduzir a Cristo? mas de que l;ei vcs estão falando?
    A lei de Deus é maldita em que sentido? É maldito amar a Deus? É maldito amar e honrar nossos pais? É maldito não matar? Que loucura essa hein? Se na Bíblia realmente fala que a lei de Deus é maldita e esta passagem se refere aos 10 mandamentos, então tudo o que achamos que é pecado não é pecado, então acho que não existe pecado, porque pecado não é a transgressão da lei (I Jo 3:4)? Que lei? vcs não disseram que ela foi abolida? Então podemos pecar sem culpa?

    Não existe separação entre as leis, entào a Bíblia est’q se contradizendo porque aí em Gal fala de uma lei maldita, mas os 10 mandamentos não~podem ser malditos pois eles mostram como devemos agir com Deus e com o nosso próximo???? Isso é maldito? Isso foi abolido??????

  10. gustavo said

    meus queridos , com prazer que trasmito minha opinião aqui e ao mesmo tempo é lamentável ver como o autor dessas perguntas se preocupa com outras religiões .
    entendo que cada religião tem suas doutrinas , mas isso não faculta o direito de deteriorar dogmas de outras igrejas .
    deveria se preocupar mais com suas ideologias e esquecer o que se passa em outras religiões .
    estou dizendo isso por que sou recém convertido na igreja presbiteriana independente e discordo em profundidade do que esse cidadão postou jogando indiretas para outras religiões que inclusive ele chama de seitas .
    na verdade , nem ele sabe o que é seita , talvez se soubesse não falaria besteiras . abraços

  11. marcele borges said

    gostaria de saber se já que o sábado foi abolido , por que não abolir todos os mandamentos ? jesus não morreu pelos nossos pecados ? por que como católica praticante sempre ouvi dizer que o dia de guarda é o domingo mas nunca que o protestantismo poderia anular qualquer que fosse um mandamento . tenho amigas que trabalham comigo e são professoras que nunca me esclareceram essas interrogações . não frequentam festas na minha comunidade por que são evangélicas , mas falam e agem pior do que se não fossem de nenhuma religião .
    na verdade acho isso a maior enganação , prefiro ficar seguindo meu catolicismo que é muito mais sincero do que essas igrejas confusas e sem noção .

  12. Osmar Ferreira said

    A verdadeira resposta de Paulo para aqueles que creem Cristo como diz as Escrituras(João 7:38,39):
    Paulo e o Sábado
    Jesus pessoalmente disse a Saulo: Eu sou Jesus, a quem tu persegues; mas levanta-te e põe-te em pé; pois para isto te apareci, para te fazer ministro e testemunha tanto das coisas em que me tens visto como daquelas em que te hei de aparecer; livrando-te deste povo e dos gentios, aos quais te envio, para lhes abrir os olhos a fim de que se convertam das trevas à luz, e do poder de Satanás a Deus, para que recebam remissão de pecados e herança entre aqueles que são santificados pela fé em mim (Atos 26: 16,17,18).
    Observa que Jesus apareceu à Saulo para fazê-lo: Ministro e Testemunha tanto das coisas em que Saulo tinha visto, como daquelas que lhe seria mostrada pelo próprio Jesus, ou seja, Paulo foi feito Ministro e Testemunha de Jesus, pois acabara de Vê-lo. Paulo também foi Testemunha da fidelidade de Estevão mesmo em face da morte. Paulo era Testemunha da fidelidade dos Apóstolos e dos demais seguidores de Jesus a Palavra de Deus revelada através de Jesus Cristo. Paulo era Testemunha de os que aceitavam a fé como ela é em Jesus, perseveravam na Doutrina dos Apóstolos (Atos 2: 42).
    Jesus disse que livraria Paulo “deste povo”(Judeus) e dos gentios, aos quais lhe enviaria para abrir os olhos deles (gentios-nós), a fim de nos converter das trevas para à Luz .
    Agora, observe que Ananias que fora enviado pelo Senhor Jesus que tinha aparecido a Paulo (Atos 9: 17), disse a Paulo: “ O Deus de nossos pais de antemão te designou para conhecer a Sua vontade, ver o Justo, e ouvir a voz da sua boca.
    Porque hás de ser sua testemunha para com todos os homens do que tens visto e ouvido” (Atos 22: 12 a 15). Observe que Ananias se apresentou a Paulo declarando que fora enviado pela mesma Pessoa que lhe aparecera, confirmando e ampliando a vontade Divina para que Paulo fosse Testemunha para todos os homens, incluindo também os judeus, daquilo que ele (Paulo) tinha testemunhado do Próprio Jesus que lhe aparecera e que ainda veria o Justo que lhe aparecera e ouviria a Sua Voz.
    Portanto, temos explicito nestes Textos Sagrados, todo o Ministério de Paulo, ou seja, que Paulo foi separado para ser Ministro e Testemunha de Jesus, para conhecer a vontade de Deus, pregar e ensinar aquilo que ele tinha visto e ouvido de Deus, de Jesus, e acerca de Deus e de Jesus. Contudo, em momento algum Paulo declarou que a Lei Moral, ou seja, que os Dez Mandamentos foram abolidos. Nem mesmo que o Dia do Senhor havia mudado do sétimo para o primeiro dia. Muito pelo contrario, vemos Paulo guardando o Sábado conforme o Mandamento.
    Jesus disse que enviaria Paulo para abrir nossos olhos, nos convertendo das trevas para à Luz. Porem, em momento algum Paulo declarou que a Lei Moral, ou seja, que os Dez Mandamentos foram abolidos. Nem mesmo que o Dia do Senhor havia mudado do sétimo para o primeiro dia. Muito pelo contrario, vemos Paulo confirmando a lei Moral de Deus inclusive guardando o Sábado conforme o Mandamento. Portanto, se Deus ou Seu Filho tivesse abolido os Dez Mandamentos ou mesmo mudado o Dia do Senhor (Isaías 58: 13,14), do Sábado para o domingo, do Sétimo Dia para o primeiro dia, Paulo certamente teria aberto nossos olhos nos convertendo para à Luz . Pois ele era imitador de Cristo e combateu “o bom combate completou a carreira guardou a fé” (II Tim. 4:7,8), dizendo como devemos “proceder na casa de Deus, que é a igreja do Deus vivo, coluna e baluarte da Verdade” (I Tim. 3: 15).
    Se Jesus disse que Paulo seria Seu Ministro e Sua Testemunha, que Deus de antemão havia designado para conhecer Sua vontade ver O Justo e ouvir Sua voz, com certeza, entre a vontade de Deus ,a visão do Justo ,do ouvir de Sua voz, não estava tal mudança. Pois como Ministro e Testemunha de Jesus, Paulo declarou que devemos ser imitador dele como ele era de Cristo, como também devemos imitar Deus como filhos amados (I Cor. 11:1- Efésios 5:1).
    A superioridade de Paulo perante os oponentes da Palavra deDeus: “Porém confesso-te que, segundo o Caminho, a que chamam seita, assim eu sirvo ao Deus de nossos pais, acreditando em todas as coisas que estejam de acordo com a lei e nos escritos dos Profetas” Atos 24:14. O conselho de Paulo é: ” Sede meus imitadores, como tambem eu sou de Cristo” e ” sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados”I Cor. 11:1-Efésios 5:1
    nadanospodemoscontraverdade@bol.com.br

  13. raissa said

    Marcele, achei interessante seu comentário, vivi algo muito semelhante, eu escolhia uma denominação que eu não precisasse mudar muita coisa na minha vida, sabe tipo continuar com minhas roupas, jóias, comendo de tudo e etc, achava que isso de proibir já era, que deus não queria nosso sacrifício só o nosso coração, mas assim que conheci uma pessoa, comecei a perceber a vida dessa pessoa e percebi que ele era diferente, que não fazia o que as outras pessoas fazeim, era uma pessoa inteligente, amável e cheia de bom senso, depois de eu ter me batizado numa Igreja pentecostal, me senti meio vazia de conteúdo e de valores, daí resolvi perguntar a essa pessoa a que religião ele pertencia, senti firmeza nela. Hoje estou estudando na Igreja adventista porque acho que de todas a ;unica que mostra na Bíblia e nada além, gostei disso.

  14. Osmar Ferreira said

    A igreja remanescente é identificada em Apoc. 12:17, como: …”Os restantes da sua descendência, os que guardam os Mandamentos de Deus e tem o Testemunho de Jesus”…
    Deus declara através do Apostolo Paulo que: ” Ainda que o numero dos filhos de Israel seja como a areia do mar, o remanescente é que será salvo”. Porque o Senhor cumprirá a sua Palavra sobre a terra cabalmente e em breve (Rom.9:27,27,29).
    Será que Deus estava sendo legalista antes de Adão e Eva pecarem em Gen. 2:1,2,3?
    Será que Deus estava sendo legalista em Êxodo 16:4,22 a 30, antes do Sinai?
    Será que Deus estava sendo legalista em Êxodo 20: 1 a 17?
    Será que Deus estava sendo legalista em Isaías 56:1 a 8 e 58:13,14?
    Será que Deus estava sendo legalista quando disse que Abraão obedeceu à…Gen.26:5, 400 anos antes do Sinai?
    Será que Paulo estava sendo legalista quando disse: “Porém confesso-te que, segundo o Caminho, a que chamam seita, assim eu sirvo ao Deus de nossos pais, acreditando em todas as coisas que estejam de acordo com a lei e nos escritos dos Profetas” , em Atos 24:14
    Será que Paulo estava sendo legalista em I Cor. 11:1 e Efésio 5:1?
    Será que Paulo estava sendo legalista em Rom. 7:12,14?
    Será que João estava sendo legalista quando disse que pecado é transgressão da Lei I João 3:4?
    Os Adventistas do Sétimo Dia pregam o Evangelho Eterno em que estão incluídos os Dez Mandamentos e não apenas nove. Até porque, Tiago nos adverte que quem guardar toda a Lei, mas tropeça em um só ponto, se torna culpado de todos (Tiago 2:10), ou será que Tiago também estava sendo legalista?
    ” Porque o Senhor dos Exércitos o determinou; quem, pois, o invalidará?”( Isaías 14: 27). Vocês?

    • Sara Kelly said

      Não deis aos cães as coisas santas, nem deiteis aos porcos as vossas pérolas, não aconteça que as pisem com os pés e, voltando-se, vos despedacem. Mateus 7:6

  15. Daniel said

    Tiago 3:1e2 ” Meus irmãos, não vos torneis,muitos de vós,mestres,sabendo que havemos de receber maior juizo.
    porque todos tropeçamos em muitas cousas. Se alguém não tropeça no falar,é perfeito varão,capaz de refrear também todo o corpo”
    Versos 8a11 ” A língua, porém, nenhum dos homens é capaz de domar; é mal incontido, carregado de veneno mortífero.
    Com ela, bendizemos ao Senhor e Pai; também, com ela, amaldiçoamos os homens, feito à semelhança de Deus.
    De uma só boca procede bênção e maldição. Meus irmãos, não é conveniente que estas cousas sejam assim.
    Acaso, pode a fonte jorrar do mesmo lugar o que é doce e o que é amargoso?”
    Verso 13a17 “Quem entre vós é sábio e inteligente?
    Mostre em mansidão de sabedoria, mediante condigno proceder, as suas obras.
    Se, pelo contrário, tendes em vosso coração inveja amargurada e sentimento faccioso, nem vos glorieis disso nem mintais contra a verdade.
    Esta não é a sabedoria que desce lá do alto; antes, é terrena, animal e demoníaca.
    Pois, onde há inveja e sentimento faccioso, aí há confusão e toda espécie de cousa ruim.
    A sabedoria, porém, lá do alto é, primeiramente, pura; depois, pacífica, indulgente, tratável, plena de misericórdia e de bons frutos, imparcial, sem fingimento.”
    Filipenses 4:8e9 “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento.
    O que também aprendeste, e recebeste, e ouviste, e viste em Mim isso praticai; e o Deus da paz será convosco.”
    I Coríntios 11:1″ Sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo”.
    Eclesiastes 12:13 “De tudo que se tem ouvido, a suma é: TEME A DEUS E GUARDA OS SEUS MANDAMENTOS; porque isto é o DEVER de todo homem.
    João 15:10 ” Se guardardes os meus MANDAMENTOS, permanecereis no Meu amor; assim como também EU tenho guardado os MANDAMENTOS de MEU PAI e no Seu Amor permaneço.”

  16. Jarson said

    Quanta falta de informação, Jesus Cristo…

    Mesmo que eu não fosse Adventista do 7º Dia, não ousaria atacar tão descaradamente e manipuladoramente a mensagem deles. Adventistas não crêem na justificação pela lei. Fico indignado ao ver tanta manipulação da parte de pessoas que se dizem “cristãs”…

  17. paz para todos, sou sabatista,bacharel em ciencia da religiao,missiologia,e capelania,e outros cursos biblicos,vou fazer uma pergunta para os nao sabatistas,quem ordenou a guardar o sabado,DEUS ou homem?e o domingo quem foi?Deus ou os romanos?quero saber, me diga por favor, fiquem todos na paz da lei moral.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: